Buscar
 

Arquivo de Notícias

03/12/2021

Vereadores e BrasPell discutem empreendimento em Dias Tavares 

Pela proposta apresentada aos parlamentares, a instalação do empreendimento logístico e de pellets trará um investimento de R$ 3 bi em Juiz de Fora e vai criar na cidade aproximadamente 4 mil postos de trabalho; o projeto prevê manejo sustentável com uso de florestas de replantio

Os vereadores receberam na manhã desta sexta-feira, 3, o vice-presidente da BrasPell, Afonso Bertucci, para mais explanações sobre o acordo de intenções firmado com a Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) com mediação da Câmara Municipal de Juiz de Fora (CMJF). O encontro aconteceu durante a 3ª Reunião Ordinária, no Plenário do Legislativo. Pela proposta apresentada aos parlamentares, a criação da unidade industrial de bioenergia de base florestal trará a Juiz de Fora um investimento previsto de R$ 3 bilhões e a criação de mais de 4 mil novos postos de trabalho. O centro logístico e a fábrica de pellets na cidade devem ser erguidos em Dias Tavares. 

Afonso apresentou os desafios das mudanças climáticas mundiais - que também assolam o Brasil - e as propostas efetivas para substituição das fontes fósseis por biomassa florestal por meio de manejo sustentável das florestas naturais, conservadas e recompostas. De acordo com os dados apresentados, a empresa desenvolveu uma cadeia produtiva com fluxo sincronizado capaz de usar madeira de floresta de replantio e novos plantios, cujo transporte é otimizado para os usos das madeiras, como já fazem na unidade do Rio Grande do Sul. “E Juiz de Fora tem uma logística favorável devido à ferrovia da MRS”. Entre o plantio e a colheita são 7 anos, e há um novo plantio. “Fazemos a compra da madeira não na colheita, mas no plantio. São feitas as projeções e compramos. O custeio tem pagamento antecipado e com apólice ampla de seguro florestal para garantir a performance”, completou Bertucci.  

O presidente da Câmara, vereador Juraci Scheffer (PT), lembrou as preocupações e compromissos durante a COP-26 quanto à redução das emissões de CO2. “A proposta apresentada está em sintonia com as discussões mundiais de preservação do meio ambiente. Juiz de Fora tem 1.434 km². Temos dois terços da nossa cidade em área rural. Além disso, é importante frisar que a vinda da empresa beneficia a cidade e também toda a região. Temos uma população circunvizinha, já que Juiz de Fora é a capital da Zona da Mata”. Na mesma linha, os vereadores Cido Reis (PSB), Vagner de Oliveira (PSB) e João Wagner Antoniol (PSC) reforçaram as estruturas disponíveis em Juiz de Fora para um empreendimento da envergadura da proposta e lembraram o empenho da Câmara Municipal em elaborar e aprovar leis que promovam a geração de emprego e renda por meio de um desenvolvimento econômico sustentável. 

Mais informações: 3313-4734 Assessoria de Imprensa 

Visualizada pela 139ª vez

Câmara Municipal de Juiz de Fora
Rua Halfeld, 955 - Centro, Juiz de Fora/MG
Tel: (32) 3313-4700


©2021 Câmara Municipal de Juiz de Fora