Buscar
 

Arquivo de Notícias

13/10/2021

Semana de Proteção Animal 2021 - Palestras discutem os direitos dos animais, combate aos maus-tratos e ação de protetores na cidade

Encontros fazem parte da Semana Municipal de Proteção Animal, que acontece dos dias 4 a 8 de outubro; comissão é formada pelos parlamentares Kátia Franco Protetora, Marlon Siqueira e Pardal; na última segunda-feira, 11, às 19 horas, uma live encerra a programação deste ano

Promover a discussão de temas importantes e inovadores para a causa animal. Esse é um dos objetivos da Semana Municipal de Proteção Animal, realizada pela Comissão de Defesa, Controle e Proteção dos Animais da Câmara Municipal de Juiz de Fora (CMJF) entre os dias 4 e 8 de outubro. Nesse intento, uma série de palestras foram agendadas pela comissão, que é formada pelos parlamentares Kátia Franco Protetora (PSC - presidente), Marlon Siqueira (PP) e Pardal (PSL).

O presidente da Câmara, Juraci Scheffer (PT), participou da abertura oficial dos eventos, na última terça-feira, 5, e ratificou o compromisso da instituição com a causa animal de Juiz de Fora. “Podemos saber se uma sociedade ou indivíduo é verdadeiramente evoluído e consciente pela forma que ele trata os animais. A Câmara abraça mais essa causa, trazendo importantes discussões para o Plenário do Legislativo”.

Na primeira palestra, feita pela ativista Miriam Neder e pela doutoranda em psicologia Patrícia Braz, o ponto de destaque foi justamente a relação entre o ser humano e os animais. Pela Teoria do Elo, a dupla explicou que existe um estudo americano com assassinos em série que comprovou uma ideia que já existia no senso geral: que dentre esses criminosos que praticam violência contra pessoas, uma boa porcentagem também praticou contra animais. Na esteira da apresentação, a defesa de uma maior apuração e punição para crimes contra cães e gatos, por exemplo, poderia até prevenir agressões a seres humanos também. 

A comissão convidou ainda o protetor de animais Átila Torquato para ministrar a palestra Proteção ativa e como defender animais de forma eficiente, na última quarta-feira, 6, em que o ativista dividiu sua experiência como resgatista e como se portar frente às dificuldades de resgatar um animal vítima de maus-tratos. Formas de potencializar adoções com uso de redes sociais, mobilização para castração e outros pontos do dia a dia dos militantes da causa animal, chamados de protetores, foram evidenciados. 

Já na quinta-feira, 7, encerrando as atividades no Plenário da Câmara nesta semana, foi a vez da protetora e professora adjunta da Faculdade de Direito da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), Jussara Almeida, com o tema “A tutela jurídica dos animais e a dificuldade dos protetores em obter apoio de políticas públicas”. Entre os assuntos abordados, a advogada defendeu que é necessário melhorar as regras sobre a tutela de animais, assim como o combate aos maus-tratos e ao abandono - a despeito dos avanços dos últimos anos, com a aprovação da Lei Sansão, que tipifica maus-tratos aos animais como crime com possibilidade de pena de reclusão de até 5 anos.

Na última segunda-feira, 11, às 19 horas, uma live encerra a Semana Municipal de Proteção Animal de 2021. O encontro virtual teve com tema “Os animais inseridos na sociedade e nas políticas públicas” e contou com a presença dos vereadores da Comissão de Defesa, Controle e Proteção dos Animais e a médica veterinária Keity Duque Nazareth.

Mais informações: 3313-4734/ 4941 - Assessoria de Imprensa

Visualizada pela 34ª vez

Câmara Municipal de Juiz de Fora
Rua Halfeld, 955 - Centro, Juiz de Fora/MG
Tel: (32) 3313-4700


©2021 Câmara Municipal de Juiz de Fora