Buscar
 

Arquivo de Notícias

06/09/2019

Demora na reforma da UBS do bairro Grama é tema de reunião na Câmara

Representantes dos moradores e membros da Comissão Especial do Hospital Dr. João Penido pediram esclarecimento e fizeram reivindicações a membros do Poder Executivo

As obras de ampliação e reforma da UBS do bairro Grama foi tema da reunião desta quinta-feira, 05, na Câmara. A questão central das discussões é a demora na finalização das obras da UBS, principalmente porque a urgência e emergência do Hospital Dr. João Penido, também no bairro, estão fechadas há cinco anos. Moradores e representantes do Conselho de Saúde do bairro estiveram presentes na reunião e apresentaram reivindicações e pedidos de esclarecimentos aos representantes do Poder Executivo e aos membros da Comissão Especial do Hospital Dr. João Penido. De acordo com a gerente do Departamento de Execução Administrativa de Atenção à Saúde da Atenção Primária à Saúde, Engrácia Santos, a obra da UBS é orçada em R$ 203.308,03. Ela ressalta que “já houve a execução de 8% das obras da UBS, iniciados no começo de junho, e o repasse de 20%. Haverá agora os trâmites para a liberação dos 80% restantes, já aprovados”. A UBS atende de 15 a 18 mil pessoas no bairro Grama e entorno. 

Os vereadores Sargento Mello Casal (PTB) e Júlio Obama (PHS), respectivamente, presidente e membro da Comissão Especial, apontaram para a necessidade de urgência na conclusão da obra e pediram esclarecimentos quanto às contratações de profissionais e aos espaços de ampliação. Engrácia esclareceu sobre as convocações dos profissionais e o tempo entre as chamadas. “Temos alguns profissionais que não respondem à convocação e precisamos do tempo legal para chamar outro”. Sobre a ampliação da Unidade, um dos pontos de atritos entre os representantes do bairro Grama e a prefeitura foi a utilização de um galpão para a ampliação. De acordo com o 1º secretário do Conselho de Saúde, Ítalo Laguardia, não houve consulta por parte do poder executivo para o uso do galpão, utilizado anteriormente para projetos sociais do bairro. O arquiteto responsável pelo projeto, Clóvis Robert, explicou que não houve a previsão de um segundo pavimento e, por isso, a ampliação levou em consideração um espaço próximo e possível de ser utilizado. De acordo com ele, a ampliação terá: sala de espera, dois banheiros com acessibilidade, sala de vacina, recepção, consultório de triagem, coleta de sangue, curativos, sala de nebulização e cuidados básicos, sala de espera secundária e sala para agentes comunitários. Ele explica ainda que uma passarela será construída entre a parte original e a ampliação para o deslocamento dos usuários. 

Os vereadores discutiram também sobre a possibilidade de uma emenda que contemple a obra para a colocação de piso na área ampliada. A proposta responde a uma solicitação do presidente do Conselho do bairro, Michel Felipe Coelho, que reclamou que esteja prevista a pintura do asfalto e não a colocação de um piso. Obama assinalou ainda “a necessidade de que haja uma lista hierárquica de prioridades para a aplicação das emendas parlamentares justamente para que contemple o fundamental primeiro, neste caso a saúde de Juiz de Fora”. 

A Comissão Especial do Hospital Dr. João Penido é composta pelos vereadores Sargento Mello Casal (PTB), Júlio Obama (PHS), Marlon Siqueira (MDB) e Vagner de Oliveira (PSC). 

 

Informações: 3313-4734 / 4941 - Assessoria de Imprensa

Visualizada pela 154ª vez

Câmara Municipal de Juiz de Fora
Rua Halfeld, 955 - Centro, Juiz de Fora/MG
Tel: (32) 3313-4700

design by
©2011 Câmara Municipal de Juiz de Fora | Licensa Creative Commons